sábado, julho 08, 2006

No jardim da Filosofia...
Se de alguma forma lhes pareço arrogante, perdoem-me a fraqueza; é que posso estar num daqueles momentos em que me esqueço da minha finitude, e de que a vida é o aprendizado da morte.

Um comentário:

Alessandra Espínola disse...

Bobagem, é fácil perdoar e driblar a arrogância... ela não dá em poste, né!